Monday, June 11, 2018

um jogo oleoso de verbos



para paula ludwig
e christiane quandt, que me apresentou a ela


saí da terra que te acolheu a contragosto
já que getúlio era tipo jararaca cujo veneno
é o que cura e o que mata
queria embranquecer o brasil
mas sem perder o leite dos aliados
proibiu língua alemã e vistos
entregou olga pra gestapo
homem é uma merda independente do partido
político
tu mais do que ninguém sabe do que falo

saí da terra que te acolheu, porque queria
afinal estava tudo de boas tinha lula e democracia
nunca peguei disenteira então não sei
como tu e o filho de lênin sabiam
o que a palavra merda significa
o objeto e o adjetivo
mas sei que homem é uma merda
independente do partido político
eu mais do que ninguém sei do que te falo

saí da terra que te acolheu a contragosto
que te deixou ficar à revelia
te fazendo beber mais do que devia
vendo metáfora entre tua depressão
a sífilis a lepra o refúgio a língua
aleijadinho
à merda os homens e a vida

saí da terra que te acolheu, porque queria
e depois de oito anos emigrante
posso confirmar a teoria
que machismo não tem pátria
que homem é uma merda
e que brodagem é um projeto transatlântico
e suprapartidário
une poetas paulistas a doutores bávaros
une pedreiros marceneiros e mercenários
une golpistas enrustidos
a marinistas ambientalistas e outros fidalgos
a comunistas alemães inveterados
a neo-nazis e eleitores de bolsonaro
misoginia é enfim projeto político
é o heimat de todo macho


No comments: