Thursday, September 17, 2009

112. carol

carol é uma mineira bonita de cabelo comprido e fala doce.

aprendeu cedo que a vida é a arte do desencontro, pra depois entender com a vida de novo que quem não procura, acha. e carol achou um motivo de 1.90 pra se misturar que nem garoa nessa e dessa terra fria. que ela ama - e eu também!

a casa dela é uma relíquia da berlim do leste.

e ela em sim é uma dessas relíquias da vida.

eu nmdigo? deus colocou todas as coisas na mais perfeita ordem para que essa viagem fosse cheia de amelie-poulain-nizices.

na minha última noite ela me deu duas garrafas de cerveja da bavária (onde nossos homens nasceram), uma lata de leite moça (milch mädchen) e, ora essa, um pacotinho de farinha de mandioca.

ela é berlim, pra mim, agora.

e ela não gosta de mostrar mas tem um blog ótimo!

3 comments:

Carol said...

...
nem sei o que dizer. Muito obrigada, Ivo (!).

De todos os presentes falados e enumerados, esse foi, de longe, o melhor.

Ah! E você é danada né, nada benta... ;)

Bisous - pra entrar no clima! Viel Spass!

André said...

aqui. dexêutefalá uma coisa.

mineiro é bomdemaisdaconta, tremdanadodebom. nóó. e este blogue, como diria meu irmão, é o tipo da coisa que é o tal negócio.

(tradução em "www.dicionariomineirês.com.mg.br", que publicarei em breve)

André said...

mineira + cabelo comprido + bonita + fala doce = pleonasmo (vicioso!).