Tuesday, October 05, 2010

quem tem medo de bryan adams

esses dias fiquei pensando muito depois de ver uma notícia na capa de uma revista de flofloca: "fábio assumpção agora é fotógrafo". achei bonito. se até bob wolfenson se considera fotógrafo de fine art (falei), por que o fábio não pode virar fotógrafo? por que que todo mundo xoxa o bryan adams?

eu não gosto das fotos do bryan, nem do bob, e pode ser que não goste das fotos do fábio, assim como tem um monte de gente que não gosta das fotos que eu faço (e eu acho que é pura inveja HA!); mas e daí? deixa os pessoal.


tempos desses, jörg reclamou que hoje em dia todo mundo tira foto. e eu pensei: ainda bem, significa que até eu, que sou uma anta, posso me chamar de fotógrafa.

mas ele é tão bonito que não quis contrariá-lo com minhas teorias.

fiquei só olhando para ele.


mas eu tenho sim, uma opinião sobre isso:

1. todo mundo tira foto. até quem não é considerado fotógrafo
"yes, i'm a photographer", manda avisar o mais que incrível wolfgang tillmans, nessa entrevista:


2. todo mundo tira foto, até quem não é considerado bom fotógrafo
"yes, i'm a photographer and this is my work". diz annie leibovitz em "life through a lens".


3. todo mundo tira foto, até quem é considerado bom fotógrafo acha isso também
alec soth, uma das melhores coisas que a magnum já incorporou, convocou sua filha de sete anos para fotografar um projeto - no qual a "única" participação dele foi editar as 2 mil fotos feitas por ela.

e, em entrevista a dazed & confused, ele diz: "yes, absolutely!" (quando perguntando se qualquer um pode ser um fotógrafo).


foto: carmen soth

4. todo mundo tira foto, mas nem por isso todo mundo tira foto boa
jörg winde é professor da universidade de dortmund. mas calma, fotógrafos ciumentos, ele tem algo a dizer sobre isso: "Embora a técnica facilite mais o uso do que antigamente, as imagens não estão ficando melhores. Leva-se muitos anos até se conseguir ver as coisas que as pessoas normais não vêem".

5. então comecemos a falar de outra coisa, galera!

4 comments:

Tassia said...

É por esse tipo de declaração que eu amo vc, Ivi!

L. said...

esse texto me fez pensar numa coisa. que tem, mas não tem a ver.
hoje, alguém escreveu no facebook algo sobre a pessoa ter uma 5D e tirar fotos no automático. e eu, automaticamente, escrevi: dá raiva.

mas, pensando bem. não é raiva que dá não. dá inveja. pq, bem, eu já fui fotógrafa, assim como Fabio Assunção, e depois que perdi minha camera, esqueci minha 'profissão'. e, desde então, fico só na saudade e na vontade de sair por aí, tirando foto (aka lazy). e, bem, seria uma delícia ter uma 5D. e, pensando melhor ainda, teriam momentos que, sim, provavelmente, eu a colocaria no automático, pq não ia estar no mood pra ficar controlando tudo.

e, aí, lembrei depois que vc escreveu algo parecido há um tempo atrás, né?

pois é. queria eu ter uma 5D. mas, já que eu não tenho, vou ali na esquina, comprar uma descartável e voltar a ser fotógrafa. ;)

Ana Lopes said...

Adorei seu blog e seus links de fotografia e claro seu trabalho.

pepo said...

e daí que qualquer um é fotógrafo né? uma imagem tirada por acidente perde o seu valor? uma imagem criada sem nenhum tipo de preparação, por acaso, deixa de ser importante?

esse povo tem que parar de ser chato