Saturday, November 26, 2011

alain de botton falou merda e ninguém reparou

achei curiosíssimo que as pessoas se ofenderam com o que alain de botton disse sobre a elite brasileira (tem umas info véia sobre isso na merda de sao paulo). como se ela nao existisse. como se as rica de sao paulo realmente nao pegassem helicóptero pra ir depilar o cu com cera de algas marinhas do mar cáspio, enquanto realmente tem um mendigo que mais parece um prisunto do lado de fora do salao que ninguém vê porque, né? de lá de cima do pirocóptero o mundo real é tao pequeno.

também nao entendi por quê os pessoal se ofendeu quando ele disse que sao paulo num dia cinza é a visao dos inferno. e num é? e num é por isso que a gente ama aquela cidade, porra? nao é porque ela é graciosa, gatinha, malemolente. é exatamente porque ela é toda cheia de defeitos, como uma pessoa interessante, como uma cidade interessante.

e vamos e venhamos, porra, sao paulo nao tem um parque que preste, que seja chegável andando e onde você possa tirar um cochilo em paz depois de ler seu livro em paz. né? disse ao menos ninguém pode discordar.

agora, alan de butao falou uma bela merda que ninguém nem comentou.

É engraçado. O Brasil obviamente tem muita gente não atraente, tanto quanto qualquer outro lugar, mas as pessoas dizem ªtodo mundo é bonito no Brasilº. É claro que não, há gente bonita e gente feia. Mas os brasileiros valorizam muito a beleza. Conversando com homens aqui, era muito comum ouvir ªolha aquela mulher, como é gostosaº. Ninguém faz isso na Inglaterra, mas nem acho que é algo sexual, era como se estivessem admirando um céu bonito ou um pássaro, é algo até inocente. Ninguém se envergonha de dizer ªolhe aquelas pernasº. Na Inglaterra nós somos educados a nunca fazer isso porque as mulheres podem achar que é algo machista, mas aqui o clima é mais relaxado, não é tão politicamente correto. O Brasil definitivamente não é uma sociedade politicamente correta do ponto de vista americano ou europeu.

ao dizer que os brasileiros reparam nas mulheres e chamam uma mulher de gostosa, como admiram um pássaro ou um cé bonito. e ainda teve a pachorra de dizer que nao parece machismo, e é até inocente.

comeu merda, o coitado.

primeiro, que brasileiro nenhum repara em pássaro. segundo: os mesmos mecanismos que acionam o simples pensar "eita que gostosa" podem ser os mesmos que acionam aquela piadinha nada inocente no ambiente de trabalho, pondo a competência de uma pessoa em dúvida por preconceito de gênero; pode ser o mesmo que aciona uma esfregada de bilola no ônibus apertado na pobre coitada que volta do trabalho cansada; pode ser o mesmo que faz com que você nao vote em dilma porque ela é mulher (ou sapatao, como agora diz bolsomerda).

o clima é tao relaxado e tao inocente e nada machista, alain de botton, que até entre funcionários públicos tem gente que ganha 30% a menos que colegas com igual ou menor qualificacao, por ser mulher.

vai ler uns blog feminista antes de falar essas merda e me escreve depois, valheu?

5 comments:

Taís Bravo said...

fala isso porque não são as pernas dele que uns babacas ficam olhando.

Dandara said...

é bem inocente mesmo quando mano te grita um "vem cá gostosa, delícia" no meio da rua olhando com cara de tarado. melhor ainda quando te agarram a força, mas é por inocência, né?

Tary said...

tão inocentes esses homens brasileiros. tão puros e despidos de preconceito esses bophes da civilização brasileira selvagem, né alain?
só que não.

Tary said...

tão inocentes esses homens brasileiros. tão pura e despida de machismo essa civilação brasileira selvagem e livre, né alain?
só que não.

Unknown said...

Ivi, não viaja. O "mecanismo que aciona o pensar (aliás, que catzo é "mecanismo que aciona o pensar"?) 'eita que gostosa'" não pode ser o mesmo que "aciona uma esfregada de bilola no ônibus apertado". Esse segundo é uma sociopatia avançada. O primeiro é algo recorrente -e natural, aliás-, que homens e mulheres têm diversas vezes durante o dia.