Sunday, April 15, 2012

al-femea comenta rapidinho (antes tarde do que nunca)

fico feliz que tenham dado o termo certo ao negócio (antecipacao de parto, em vez de "aborto"). fico feliz que mulheres que nao queiram levar uma gravidez de feto sem cérebro adiante vao poder decidir o destino de sua vida e seus corpos.

fico triste é por todas as outras mulheres brasileiras que nao podem fazer um aborto, se essa for sua vontade. e nao vou nem entrar no tema do "bolsa-estupro" que é pra nao estragar meu domingo. e nem o seu.

5 comments:

Natasha said...

Oi.
Não sei onde perguntar, vai ser aqui. rs
Vc já assistiu ao filme Anticristo, do Lars?
Se sim, pode me dar uma opinião a respeito?

:)

Obrigada.

Natasha

Tassia said...

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2012/03/marroquina-comete-suicidio-apos-ser-forcada-casar-com-estuprador.html

absurdo do absurdo. lembrei de vc, e da al-femea.

:(

vodca barata said...

natasha, vi nao! nao sou muito de ver filmes sabidos, sou uó, gosto de julia roberts ;)

tassia, vi sim, e sabia que isso é comum? um horror. já no ira elas podem ser condenadas a morte por serem estupradas, pois a culpa é delas que os homens perdem a cabeca e cometem tais crimes. li uns dois anos atrás a história de uma mina de 13 anos que foi apedrejada até a morte depois que foi estuprada por 3 homens. ou seja, se no brasil é desencorajador denunciar um estupro pela indeferenca das autoridades, no ira denunciar um estupro é risco de vida! gente, que horror.

beijos nas duas.

Aline said...

Mesmo com essa decisão meio atrasada, ainda somos obrigadas a ler isso, ó:
http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/cidades/noticia/2012/04/20/mulher-nao-consegue-aborto-de-anencefalo-no-recife-39734.php
Ah, fico triste, fico brava, fico tanta coisa...

Tassia said...

Século XXI my ass, né? 2012 e esse povo todo burro demais pra pensar. Que nojo.