Monday, March 28, 2011

para mayara

mayara, minha querida

infelizmente nao tem email disponivel no seu perfil do blogger, senao te escreveria. nao publiquei seu comentário ainda porque é muito pessoal, muito delicado - e por isso mesmo MUITO corajoso. fiquei sem saber se você escreveu sem pensar, e queria saber se posso mesmo publicá-lo.

todos os coments deixados nesse blog me alegram, às vezes me inspiram até. mas o seu foi o mais me emocionou até hoje. e nao posso nao dizer que me identifiquei. e que invejo sua coragem.

um beijo enorme da sua nova fa,
ivi

1 comment:

Mayara said...

Ivi,
Pode frô. Publique-o.
É um registro.
É algo que queria te falar muito antes até de te conhecer pessoalmente.
É algo que queria me ouvir dizendo, não só numa caixa de comentários.
Escrevi isso pensando em á quanto tempo queria lhe escrever isso.
Se escrevi racionalmente? Não. Contei um trauma pessoal para alguem que vi duas vezes da vida em um blog. Me expus.
Mas para alguem que de coração sinto que me entendeu.
E sim, minhas mãos tremem só de pensar em alguem lendo isso.
Mas minhas mãos sempre tremeram por isso.
Tenho 20 anos.
Isso me cansa.
Me identifico contigo por muito mais que um trauma semelhante.
E é essa mensagem que te quero passar. Que te acho o máximo.
O teu carinho e o teu respeito para com o que te contei é indescritível frô. Você é única.

Meu email é a_r_a_y_a_m@hotmail.com
Bjo Bjo Bjo